O que compensa mais: locação por temporada ou longo prazo?

Powered by Rock Convert

Você procura uma casa nos Estados Unidos para locação por temporada ou longo prazo? A sua intenção é apenas passar as férias no país ou você deseja morar por lá por um tempo maior para trabalho e estudos? Nem todos os proprietários aceitam ambas as modalidades e, ao procurar um imóvel para locação, é importante informar-se a respeito dessa questão.

Além disso, a permissão para aluguel para temporada é algo que depende das leis por localidade. Nem todos os condomínios permitem a locação por temporada. As mesmas regras se aplicam caso você esteja planejando comprar um imóvel em Orlando para disponibilizar para locação. Afinal, a locação e a compra são duas possibilidades para quem quer passar férias ou pretende morar nos EUA.

Se você deseja entender melhor as particularidades de cada uma dessas opções, acompanhe nosso post abaixo.

Valor

Um aluguel por temporada pode significar uma volatilidade de valores que nem sempre é vantajosa, caso a intenção seja permanecer por maior tempo. Normalmente, o contrato dura de 3 dias a 6 meses e o pagamento é feito antecipadamente. Alugar nessa modalidade pode significar pagar valores mais altos. No aluguel a longo prazo, se estabelece um contrato anual que pode ser renovado indeterminadamente em comum acordo entre locador e locatário. Nesse caso, o valor estipulado deve ser fixo, o que significa maior comodidade tanto para o locador quanto para o locatário. Essa questão, aliada ao sonho de viver no exterior, faz com que as pessoas estudem as duas possibilidades antes de tomar uma decisão.

Compromisso

A locação temporária envolve um compromisso de curta duração. Uma vez pago o valor estipulado, ambas as partes findam os encargos estabelecidos. Já no aluguel a longo prazo, existe um comprometimento mais longo. Uma rescisão antecipada de contrato, por exemplo, resultaria em multa. Por essa razão, trata-se de uma modalidade que demanda maior análise das suas intenções e necessidades.

Manutenção e contas

Normalmente, um contrato temporário presume a manutenção da casa por conta do proprietário assim como o pagamento das contas de condomínio, água e energia elétrica. É claro que eventuais avarias provocadas por fatores externos durante a estadia também devem ser reparadas pelo locador. Entretanto, quando se fala em um contrato de longo prazo, é quase inevitável fazer manutenções eventuais e arcar com os custos de água e energia elétrica. Nesse caso, a conduta é a mesma em qualquer lugar: o imóvel habitado por muitos meses consecutivos demanda pequenos ajustes e manutenções em decorrência do uso. Manutenções significativas como estrutural, elétrica e hidráulica são sempre de responsabilidade do proprietário.

Aprendizado e conforto

É claro que viver em uma sociedade, seja ela qual for, envolve seguir algumas regras de convivência. Quando falamos em viver em outro país, ainda entra em cena a questão cultural, com diferenças em relação ao que é aceito ou não em nosso país de origem. Portanto, um contrato de longo prazo significa que você vai ter mais tempo para adaptar-se à cidade escolhida é à vizinhança. Os ganhos no que diz respeito à cultura, experiência e “sensação de estar em casa” tendem a ser maiores do que na estadia temporária.

Decidir pela locação por temporada ou longo prazo é uma questão de priorizar os seus interesses e objetivos. Para ajudá-lo na escolha, você pode, ainda, contar com uma empresa especializada em locação e compra de imóveis no exterior.

Se você ainda não decidiu, entre em contato conosco e conheça os serviços de nossos corretores.

Powered by Rock Convert

One thought on “O que compensa mais: locação por temporada ou longo prazo?

  1. Pingback: Rentabilidade: comprar imóveis residenciais para aluguel em Orlando é uma boa opção? - Magic Florida Properties

Deixe uma resposta

×

Olá!

Clique no representante para falar via whatsapp.

× Olá, posso te ajudar?